5 BANDAS QUE ESTARÃO NO FEIRA NOISE 2017 QUE VOCÊ PRECISA CONHECER

Por Paula Holanda

De 24 a 26 de novembro, a Arena do Centro de Cultura Amélio Amorim receberá as 28 atrações musicais da 7ª edição do Feira Noise, que vão do underground ao mainstream, de novas apostas a bandas já veteranas. Será um misto de múltiplos gêneros e subgêneros musicais provenientes de artistas de cidades de todo o país, em ode à diversidade cultural e estética que temos no cenário nacional. Selecionamos cinco bandas que acreditamos que você deve conhecer:

VENTRE

Formada no Rio de Janeiro (RJ) por Gabriel Ventura (voz, guitarra), Hugo Noguchi (voz, baixo) e Larissa Conforto (voz, bateria), a Ventre é uma banda de rock experimental que flerta com o noise e a música popular e está em atividade desde 2012. “Ventre” (2015), seu álbum de estreia e até então único trabalho em estúdio, foi produzido pelo próprio power trio com ajuda de amigos de diferentes estúdios e os ajudou a se firmarem como uma das bandas independentes que mais se popularizam no Brasil. As apresentações ao vivo são enérgicas e potentes, e essa visceralidade pode ser conferida no DVD “Ventre Ao Vivo No Méier” (2016).

DEB AND THE MENTALS

A Deb And The Mentals é uma banda de São Paulo (SP) com influências do grunge, do punk e do rock de garagem. Formada por Deborah Babilônia (voz), Guilherme Hypolitho (guitarra), Stanislaw Tchaik (baixo) e Giuliano Di Martino (bateria), o grupo vem chamado a atenção de todo o Brasil após dois trabalhos em estúdio   ̶  o EP “Fell The Mantra” (2015) e o LP “Mess” (2017). Com performances explosivas e estética sonora e visual que remete aos ícones dos anos 90, Deb And The Mentals é uma das maiores apostas do rock nacional da atualidade.


THE BAGGIOS

The Baggios, duo de blues rock formado em São Cristóvão (SE) por Julio Andrade (voz, guitarra) e Gabriel Carvalho (bateria), está em atividade desde 2004. Com, três EPs  ̶   “Demo” (2006), “Hard Times” (2009) e “Acústico Aperipê” (2013) ̶  , três LPs  ̶  “The Baggios” (2011), “Sina” (2013) e “Brutown” (2016) ̶  e um álbum e DVD ao vivo  ̶  “10 Anos Depois” ̶  no currículo, a banda é destacada tanto pela crítica quanto pelo público como um grande nome do rock independente nordestino.

MOMBOJÓ

Formada em Recife (PE) em 2001, a Mombojó é uma banda que passeia pelo indie, pós-manguebeat e música popular. Ela é integrada por Felipe S (voz, guitarra), Marcelo Machado (guitarra), Missionário José (baixo), Chiquinho (synth, sampler) e Vicente Machado (sampler, bateria) e tem cinco LPs em sua discografia  ̶ “Nadadenovo” (2004), “Homem-espuma” (2006), “Amigo do Tempo” (2010), “11º Aniversário” (2013) e “Alexandre” (2014) ̶ além de ter lançado, esse ano, o EP “Summer Long” (2017) com a francesa Laetitia Sadier, ex-vocalista da banda de pós-rock e poptron Stereolab.


CANTO DOS MALDITOS NA TERRA DO NUNCA

Após um hiato de cinco anos, a Canto dos Malditos na Terra do Nunca, banda de rock de Salvador (BA) retorna aos palcos com seu segundo LP, “Travessia” (2017). O álbum primeiro álbum, homônimo (2006), e seu single “Olha a Minha Cara” garantiram uma circulação e popularidade a nível nacional e uma base de fãs que permanece fiel mesmo após a pausa do grupo, que foi formado em 2003 por Andrea Martins (voz), Helinho Sampaio (guitarra), Danilo Castor (guitarra), David Castor (baixo) e Leonardo Bittencourt (bateria).


Comments

comments

Deixe uma resposta